Operação Para Pedro quer segurança nos fornos da Reduc

Sexta, 30 Setembro 2016 17:06

O Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) esteve presente na REDUC no dia 23 para fiscalizar os fornos da refinaria. 

Os diretores do Sindicato, Luciano e Simão, que estavam acompanhando, informaram ao fiscal que a maioria dos 54 fornos da refinaria está irregular. Eles apresentam o Sistema de Segurança contornado, Vapor de Abafamento bloqueado, alguns não possuem Sensores de Chamas ou estão inoperantes ou contornados, além de uma instrumentação precária. 

Os gerentes da REDUC falaram que isso não era verdade e que a REDUC é “robusta”. Chegaram a afirmar que o sindicato estava exagerando.

Para tirar a dúvida sobre quem estaria dizendo a verdade, o Auditor Fiscal foi na CIC ver alguns painéis e após a inspeção convocou o sindicato e os gerentes para informar que a situação é pior do que o sindicato tinha relatado. 

Os operadores trabalham apenas com a informação do trabalhador, pois a maioria dos instrumentos não funciona e quando funcionam não são confiáveis. Para evitar acidentes, o sindicato solicitou a interdição dos fornos, o que deixou os gerentes preocupados, já que essa ação poderia parar a refinaria por alguns dias. 

Diante do impasse da interdição, a gerência da REDUC se comprometeu:

1. Fazer um diagnóstico da situação dos 54 fornos da REDUC.
2. Apresentar o cronograma com as melhorias.
3. Fazer um treinamento de NR-14 com todos os trabalhadores que fazem operação/manutenção em fornos e apresentar o diagnóstico dos fornos.

No dia 3 de outubro, o Auditor Fiscal do MTE vai voltar na REDUC para receber o diagnóstico dos fornos, o cronograma e o calendário de treinamento dos trabalhadores.

Fonte: Sindipetro Caxias

Última modificação em Segunda, 16 Janeiro 2017 18:45

Mídia

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram