Incêndio atinge Unidade de Processamento de Gás do Terminal de Cabiúnas

Quinta, 02 Agosto 2018 15:48

Na terça 31, por volta das 17h30  um incêndio atingiu a U-207 na Unidade de Tratamento de Gás de Cabiúnas (UTGCAB) e segundo trabalhadores as chamas foram tão altas que podiam ser vistas a 500m de distância do local. Meia hora antes , uma série de quedas de energia elétrica fez com que o sistema de ar comprimido caísse e, em seguida, todas as plantas da unidade.

Não houve vítimas. O combate ao incêndio  no galpão de compressores da Unidade de Recuperação de Líquidos foi realizado pela Brigada própria de Cabiúnas e pelos Bombeiros, que até às 22h de terça faziam a manutenção do controle das chamas.

Segundo informações dos trabalhadores, por causa da queda do ar comprimido, alguns anéis do sistema tiveram seus canhões acionados simultaneamente, o que baixou a pressão da água e, com isso as bombas não conseguiram manter em funcionamento. 

Na quarta, 1, aconteceu uma reunião de CIPA ordinária e hoje, 2, acontece uma reunião extraordinária específica para tratar do incêndio. O NF solicitará a participação na Comissão de Investigação do acidente, caso seja implantada.

Também foram denunciados pelos trabalhadores vários desvios que agravaram a situação, provocado por sucateamento de válvulas, operação de válvulas pneumáticas com falhas e com abertura fechadas. Na avaliação do sindicato esses fatos estão relacionados aos sucateamento que o governo golpista tem imposto à Petrobrás e subsidiárias com o intuito de privatizar a empresa e entregá-la fatiada ao mercado internacional.

O Sindipetro-NF solicita aos trabalhadores que tenham mais informações do ocorrido que repassem ao NF através do e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

Por conta do incêndio a Unidade ficou parada até a noite de ontem.

Unidade de Cabiúnas

Um dos maiores terminais de processamento de gás natural do país, Cabiúnas recebe gás das plataformas de produção das bacias de Campos e Santos, trata e distribui por meio de gasodutos para indústrias, usinas térmicas e distribuidoras de gás.

A Unidade de Tratamento de Gás de Cabiúnas é o maior polo processador de gás natural do Brasil, ponto de entrada no continente do gás da Bacia de Campos. Também recebe parte do gás do pré-sal da Bacia de Santos, escoado pelo Gasoduto Rota 2 Cabiúnas, com seus sete sistemas de tratamento e processamento, que recebem cerca de 25 milhões de metros cúbicos de gás por dia. Cerca de 37% do gás do pré-sal passa por Cabiúnas.

Leia também: Trabalhador cai no mar de Garoupa

[Via Sindipetro-NF]

Última modificação em Quinta, 02 Agosto 2018 16:01

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram