Após cobranças da FUP, Petrobrás monta grupo paritário para discutir conquistas do ACT

Quarta, 18 Abril 2012 15:04

FUP

A FUP reuniu-se nesta terça-feira, 17, com a Petrobrás para cobrar os desdobramentos das conquistas do Acordo Coletivo em relação a Petros, tais como separação de massas do Plano Petros, reabertura da repactuação e do Benefício Proporcional Opcional (BPO). A empresa informou que um grupo de trabalho paritário, formado por quatro representantes da FUP e quatro da Petrobrás, irá se reunir no dia 04 de maio para iniciar as discussões sobre a separação de massas e demais compromissos referentes a Petros, assumidos com os trabalhadores na campanha reivindicatória.

Ainda na reunião desta terça-feira, a Petrobrás apresentou à FUP uma proposta de substituição das garantias previstas no Acordo de Obrigações Recíprocas (AOR), caso a empresa deixe de cumprir os compromissos assumidos com a Federação e os sindicatos signatários do acordo. A proposta da Petrobrás é trocar os títulos da dívida pública (que estão acordados no AOR) por estoques de petróleo e gás. A FUP respondeu que só se pronunciará em relação a esta questão, após avaliar a proposta conjuntamente com os sindicatos.

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram