Petroleiros gaúchos paralisam atividades contra cortes de direitos e privatização da Petrobrás

Sexta, 11 Novembro 2016 19:29

Mesmo sob mau tempo, a categoria petroleira gaúcha fez uma mobilização em frente à Refap, fortalecendo o Dia Nacional de Greve e Paralisações  que a CUT e as demais centrais sindicais estão realizando em todo país.

Os petroleiros e as petroleiras decidiram paralisar as atividades até a 0h dessa sexta (11), sem troca de turno. Às 18h os trabalhadores se reunirão na Esquina Democrática, em Porto Alegre, seguido por uma caminhada no centro da Capital.

O protesto é contra a retirada dos direitos dos trabalhadores promovido pelo governo golpista de Mishell Fora Temer, contra a PEC 55 - a PEC da Morte - e a gestão privatista de Pedro Parente. As manifestações ocorreram em todas as bases da FUP.

Fonte: Sindipetro-RS

Mídia

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram