Superaquecimento em forno da Replan derrete até bota de operador

Quarta, 03 Abril 2019 13:39
Avalie este item
(0 votos)

Trabalhadores da Replan denunciam as más condições do forno reformador do HI, cujo refratário interno caiu e que está operando em altas temperaturas, colocando em risco os operadores.

A situação já havia sido comunicada à gerência anteriormente, foram feitos anteparos, que não resultaram na solução do problema. “Como a parada está prevista para ocorrer apenas em agosto, todos estão preocupados com as condições do forno, tanto pelo risco de um acidente com a máquina quanto pela condição insalubre que é operar com as altas temperaturas”, afirma o coordenador da Regional Campinas, Gustavo Marsaioli.

Segundo operadores, a temperatura passa de 80 graus, o que fez, inclusive, com que o solado da bota de trabalhador derretesse. “Para subir no reformador só com alguém acompanhando, porque a pessoa passa mal lá devido ao calor”, relatou um operador.

O Sindicato solicita que, além da inspeção do equipamento, seja feita uma análise da Higiene Ocupacional para determinar o grau de insalubridade do trabalho. A Cipa já foi acionada, mas a gerência da refinaria tem que tomar uma atitude urgente para evitar mais um acidente na Replan.

[Via Sindipetro Unificado SP]

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram