Trabalhadores da FAFEN Bahia atendem convocação da FUP e participam de mobilização nacional

Quarta, 31 Julho 2019 15:46

Seguindo o calendário de mobilizações da FUP, o Sindipetro realizou na manhã dessa quarta-feira (31) uma mobilização de duas horas em frente à Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados – FAFEN Bahia.

A atividade, que acontece em nível nacional, marca a posição da categoria petroleira contra a intransigência da atual gestão da Petrobrás que insiste em retirar direitos dos trabalhadores, ameaça com demissões e oferece um reajuste salarial de 1% , muito menor do que a inflação do período.

A mobilização também mostra a união da categoria e disposição para a luta em defesa do Sistema Petrobrás.

A FAFEN ainda não foi fechada pela Petrobrás por conta de uma liminar e das diversas mobilizações e ações judiciais ajuizadas pelo Sindipetro Bahia.

Se a fábrica encerrar suas atividades muitos trabalhadores serão demitidos porque diversas empresas do Polo, que dependem dos insumos fabricados pela FAFEN, vão ter dificuldades de se manterem, podendo levar à desindustrialização desse complexo industrial.

“Não é a primeira vez que a fábrica de fertilizantes é ameaçada, mas da mesma forma como aconteceu no passado, temos, sim, possibilidade de reverter a decisão da Petrobrás. Mas isso só acontecerá com a união e mobilização da categoria” ressaltou a diretoria do Sindipetro, durante a mobilização.

[Via Sindipetro-BA]

Mídia

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram