Eleições SINDIPETRO/MG: Votação online será realizada entre 25 e 31 de maio

Segunda, 11 Maio 2020 16:11

A Comissão Eleitoral responsável pelas eleições da nova diretoria do Sindicato dos Petroleiros de Minas Gerais – Sindipetro/MG decidiu realizar as eleições do sindicato de forma virtual.  Alteração visa proteger a categoria de contágio durante a pandemia.

A votação presencial, agendada para os dias de 11 a 15 de maio, foi remarcada para os dias 25 a 31 de Maio.

A medida foi tomada em obediência às normas de saúde vigentes durante a pandemia da Covid-19, “devido à situação de emergência de saúde/calamidade pública/insegurança que oferecem riscos à saúde de toda a categoria e envolvidos no pleito”, conforme descrito na Ata da Comissão Eleitoral, referente à reunião virtual realizada no dia 29 de abril.

Ainda de acordo com a Ata, seria “impossível garantir os trabalhos de coleta de votos e a própria votação presencial com a necessária segurança para todos os envolvidos no processo eleitoral”.

Votação

A votação será realizada por sistema online, por intermédio da empresa “Eleja Online”. Os funcionários do administrativo do Sindipetro/MG ficarão responsáveis pelas ligações, atendimentos sobre dúvidas e ajuda aos associados em relação à votação online. Já a imprensa do Sindicato ficará responsável pela campanha e ampla divulgação das informações sobre a votação online. As orientações sobre como realizar o voto virtual serão esclarecidas para a categoria em breve.

Chapa única

Na primeira quinzena de março, o Sindipetro/MG divulgou, conforme Estatuto, os nomes dos petroleiros e petroleiras que compõem a chapa única registrada para concorrer à eleição da nova diretoria do Sindicato, bem como a comissão responsável pelo processo eleitoral. Para conhecer a chapa, clique aqui.

[Via Sindipetro-MG]

Mídia

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram