Campanha petroleiros pela vida vem crescendo e já soma mais de 200 entregas

Quarta, 27 Maio 2020 15:57

Uma das importantes iniciativas da categoria petroleira nestes tempos de pandemia, tem sido a campanha Petroleiros Pela Vida. O objetivo é arrecadar recursos financeiros entre os trabalhadores e, com a ajuda - e também contribuições - do Sindicato, comprar cestas básicas, kits de higiene e equipamentos de proteção, para doar às comunidades carentes e setores de atendimento à saúde da população. Já foram entregues doações em Esteio e Canoas. Nesta semana, mais sacolas foram entregues pelos dirigentes sindicais.

Os mais recentes beneficiados com as doações dos petroleiros foram moradores da Vila Cruzeiro, em Porto Alegre e do bairro Santo Afonso, em Novo Hamburgo. Na Cruzeiro os mantimentos foram levados à sede da União de Vilas da Cruzeiro. Já na Santo Afonso, as doações foram entregues para o Comitê de Crise Santo Afonso. O Sindipetro-RS, a partir do engajamento dos trabalhadores e trabalhadoras na campanha, já entregou mais de 100 cestas básicas e cerca de 200 viseiras aos trabalhadores da saúde, além de máscaras aos petroleiros. O Sindicato continua, ainda, participando da campanha da CUTRS, contribuindo com cestas básicas.

No total, a Central gaúcha já entregou cerca de 20 toneladas de alimentos, além de máscaras de tecido, distribuídas para trabalhadores e trabalhadoras da periferia, o que mostra o compromisso das entidades sindicais com quem mais precisa de ajuda.

Doar também é uma forma de luta

As doações feitas pela categoria têm feito a diferença para muitas famílias em situação de risco social e, também, para quem ficou desempregado em função da pandemia. De acordo com os últimos dados divulgados, o número de desempregados cresceu cerca de um milhão desde que começou a doença.

Muitas empresas estão se aproveitando da situação para demitir, reduzir salários e algumas inclusive estão demitindo e não estão pagando as rescisões. No RS, somente no setor calçadista, por exemplo, já foram cerca de 20 mil postos de trabalho a menos. Além disso, os informais e autônomos tem tido dificuldades para receber o valor de R$ 600 a que têm direito, e muitas famílias estão passando necessidade.

Por isso, a continuidade da Campanha e a ajuda de cada um e cada uma, com qualquer valor, é fundamental. A solidariedade também é uma forma de luta. É um jeito de mostrar que continuamos lutando e que a classe trabalhadora enfrentará este momento de forma unida.

Nas nossas greves dos anos 90, a solidariedade de outras categorias e do MST, doando alimentos para os petroleiros, fez muita diferença. A mesma diferença que podemos fazer agora, defendendo a vida. Se você ainda não doou, doe, e se já participou, pode doar novamente.

As doações podem ser feitas com qualquer valor para a conta 103344-1, agência 3866-0 do Banco do Brasil (CNPJ 92968023000102). Essa conta é específica para a campanha.

[Sindipetro RS]

Mídia

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram