Petros faz mudança na metodologia de cálculo da cota do PP-2

Quarta, 29 Agosto 2018 12:23

Em mais uma decisão unilateral, a Fundação Petros anunciou que mudou a forma de calcular a cota dos planos de previdência complementar. De acordo com a fundação, esta metodologia segue “modelos adotados por outros grandes fundos de pensão”.

Com esta mudança, a cota do Plano Petros-2 vai passar a ser calculada com base no patrimônio do Plano e não mais na rentabilidade dos investimentos.

A Federação Única dos Petroleiros, solicitará aos conselheiros representantes dos trabalhadores que cobrem esclarecimentos à Petros sobre esta decisão unilateral. Este novo cálculo desconta um valor em torno de 0,5% da atual reserva pessoal de cada participante que deve ser utilizado pra pagar futuras ações judiciais e déficits. “Antes o valor financeiro que o trabalhador havia depositado era transformado em uma cota equivalente, agora o saldo fica inferior ao que é descontado” explicou Simão Zanardi, coordenador geral da FUP.

[FUP]


Leia também: 
Última modificação em Segunda, 26 Novembro 2018 16:59

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram