Sindicatos da FUP intensificam ações de apoio à população vulnerável durante a pandemia

Quarta, 22 Abril 2020 15:48

Com o avanço da pandemia da Covid-19, a FUP e seus sindicatos estão intensificando ações de apoio à população mais impactada. A hora exige união e solidariedade no enfrentamento dessa crise humanitária.

Junto com movimentos populares e diversas organizaçõe sociais, os petroleiros estão atuando para minimizar os efeitos da pandemia, principalmente entre trabalhadores e famílias que estão em situação mais fragilizada.

Em diversos estados do país, a FUP e seus sindicatos estão participando de campanhas para doação de botijões de gás, cestas básicas, materiais de hgiene e limpeza, água potável e outras ações solidárias, através de articulações com a Central de Movimentos Populares (CMP); o Movimento de Luta nos Bairros, Vilas e Favelas (MLB); o Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA); o Movimento dos Sem-Terra (MST); o Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto (MTST); o Levante da Juventude; a Frente Brasil Popular, entre outros movimentos populares. 

É fundamental que os trabalhadores participem com doações e também se integrando às ações. Acompanhe as ações pelos sites e redes sociais dos sindicatos e da FUP.

Além das ações sociais, os petroleiros vêm também desenvolvendo ações políticas, com apresentação de propostas emergenciais para minimizar os impactos da pandemia e também ampliar o combate à Covid-19.

Através da Plataforma Operária e Camponesa da Água e Energia (POCAE), propomos a gratuidade por quatro meses do botijão de gás para as famílias mais vulneráveis economicamente e o tabelamento do produto a R$ 40,00. Veja aqui outras propostas da Plataforma.

A FUP e seus sindicatos também aguardam resposta à solicitação encaminhada no dia 30 de março, ao ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TST), Ives Gandra, para que a Petrobrás repasse à Fundação Instituto Oswaldo Cruz (Fiocruz) os valores das multas impostas às entidades no dissídio coletivo referente à greve dos petroleiros, realizada em fevereiro. A empresa foi autorizada a reter o repasse das mensalidades sindicais no total de R$ 2.475.812,25. A FUP cobrou que o valor das multas referentes aoos seus sindicatos filiados (R$ 1.863.270,04) seja revertido integralmente à Fiocruz, que é referência no combate ao coronavírus. Saiba mais aqui.

No Paraná, o Sindiquímica-PR conseguiu que o Ministério Público do Trabalho (MPT) revertesse para o Hospital Municipal de Araucária a multa de R$ 333.799,99, cobrada da Ansa/Fafen-PR por descumprimento de acordo. Os recursos deverão ser usados na compra de insumos e equipamentos para tratamento da Covid-19. Saiba mais aqui.

“Vivemos um momento de solidariedade, de cada um que pode fazer a sua parte pelo bem do outro. Milhões de pessoas estão passando necessidades por causa da crise econômica provocada pela pandemia do coronavírus. Enquanto o governo e as empresas ainda ficam discutindo o que e como fazer, precisamos agir rapidamente e garantir um mínimo de dignidade a essas pessoas, precisamos garantir a elas o direito básico à vida. Não podemos fazer muito, mas podemos fazer alguma coisa, e é isso o que os petroleiros vêm fazendo”, diz o coordenador geral da FUP, José Maria Rangel.

Leia também: 

Petroleiros entregam cestas básicas e beneficiam famílias que estão em situação de vulnerabilidade social

> Campanha do Sindipetro MG ajuda comunidades periféricas de BH

Unificado conta com você para doar cestas e gás às comunidades periféricas

Sindipetro Bahia junta-se a movimentos sociais em ação na Ilha de Maré

Sindipetro Bahia distribui gás a preço justo em diversos bairros de Salvador

Setecentas cestas básicas foram distribuídas pelo Sindipetro-NF em Campos e Macaé

Petroleiros de SP fazem coleta e distribuição de alimentos em Campinas

FUP e sindicatos participam de ações de apoio à população vulnerável e combate à Covid-19

Sindipetro-MG participa de doação de alimentos e materiais de limpeza

> Movimentos sociais lançam plano de 60 propostas contra Covid-19 e a crise econômica

[FUP]

Última modificação em Quinta, 23 Abril 2020 18:31

Mídia

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram