Rosêngela Buzanelli: Nossa Petrobrás é com acento agudo, sim

Segunda, 24 Agosto 2020 08:10

Por Rosângela Buzanelli, representante dos trabalhadores no Conselho de Administração da Petrobrás

Nessa semana, recebemos um comentário super bacana perguntando por que optamos pela grafia “Petrobrás”, com acento agudo. Sim, sabemos que “oficialmente” o nome da companhia não leva acento. Mas consideramos importante compartilhar o motivo de nossa escolha por grafar desta maneira. E isso está completamente relacionado à preservação da história da Petrobrás e ao posicionamento da luta dos petroleiros.

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) voltou a acentuar o nome da empresa em 2002, após decisão apoiada pelos sindicatos. Isso porque, no começo, possuía acento, mas na década de 90 ele foi tirado sob discurso de internacionalização da marca (para "facilitar" para investidores estrangeiros).

Por isso, nós optamos por grafar Petrobrás, com acento, pois acreditamos em uma estatal integrada e que pertence ao povo brasileiro.

Ah, uma curiosidade: em dezembro de 2000, o então presidente da Petrobrás, Henri Reichstul, tentou alterar o nome da empresa para Petrobrax, alegando dificuldades de compreensão por parte dos estrangeiros. Um dos absurdos comentados por Reichstul na época foi que bras lá fora tinha duplo sentido, pois quer dizer sutiãs em inglês!

Acompanhe Rosângela nas redes:

Facebook:

http://fb.com/rosangelabuzanelli

Instagram:

https://instagram.com/rosangelabuzanelli

Site:

https://rosangelabuzanelli.com.br/

Lista de transmissão pelo WhatsApp: 

https://bityli.com/dL91E

 

Última modificação em Segunda, 24 Agosto 2020 21:45
Publicado em Sistema Petrobrás

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram